Programas Jovens Jornalistas – Por Jean Nascimento e Alícia Santos

Thiago Parmalat/CBDU

Pode comemorar Ceará e Pernambuco! A sexta-feira (9) serviu para carimbar as vagas dos dois estados para a fase final do handebol feminino nos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) – Fase Final e, de quebra, definiu ainda os finalistas da Conferência Nordeste: UINASSAU-PE e UNIATENEU-CE. As partidas aconteceram no Ginásio do Colégio Intensivo.

Diferente do que aconteceu na fase anterior, a equipe pernambucana “ralou” para garantir a classificação frente à UNIFSA-PI, com uma diferença de apenas quatro gols e mais um show de Juliete França vencendo por 26 a 22, e foram as primeiras classificadas à grande final. A camisa 10 assinalou oito gols na partida desta sexta.

A decisão da segunda vaga foi na contramão da partida inicial, as cearenses da UNIATENEU aplicaram um sonoro 41×11 na UFS-SE. As sergipanas que haviam perdido duas titulares não conseguiram fazer frente a boa equipe do Ceará sofrendo contra-ataques fulminantes e arremessos fatais da linha dos nove metros.

Sobre a classificação, a ponta Vladlene Souza creditou às companheiras e ressaltou a importância de chegar a grande final. “A gente teve um resultado muito importante contra a equipe de Sergipe, e só foi possível graças a equipe e ao conjunto que nos fez chegar até aqui”, comentou a atleta da UNIATENEU.

Ela também falou sobre a final contra a UNINASSAU-PE, onde classificou como um grande jogo e o mais difícil da competição. “Amanhã a gente vai ter um jogo muito duro contra a equipe de Pernambuco e vamos com garra e sangue no olho para vencê-las”, completou a jogadora cearense.

A grande final acontece neste sábado (10), às 11 horas, no Ginásio Tenente Madalena, no bairro do Bom Parto, em Maceió. Enquanto, a decisão de terceiro e quarto lugares será no mesmo horário, mas no Ginásio do SESI, na Cambona.
Nos jogos masculinos, a pergunta que não se calava era: quais as duas equipes que se classificariam para a final? Na disputa estavam as equipes: Aliança- PI contra a UFRN-RN e a UNIATENEU-CE contra a UNINASSAU-PE.

Aliança-PI X UFRN-RN

A partida inicial estava para começar, equipes preparadas, sinal de aviso, o primeiro tempo tinha começado. Abrindo o placar, com menos de um minuto o camisa 4 faz gol, logo em seguida outro do camisa 8, fazendo com que o jogo ficasse de 2×0 para time do Aliança-PE.

Já se imaginava que o jogo seria bom para equipe piauiense por sua agilidade nas estratégias usadas, com algumas tentativas errôneas a UFRN-RN possibilita que a Aliança-PI termine o primeiro tempo com uma vantagem de 14 pontos. Final do primeiro tempo 25 para a equipe  piauienses e 11 para a equipe do Rio Grande do Norte.

Ao iniciar o segundo tempo, já com uma diferença considerável, o camisa 11 André da UFRN-RN tenta reverter a situação, coisa que não conseguiu, pois a defesa da equipe piauiense estava focada em não deixar passar nada.
Aos 6 minutos do final do primeiro jogo, é alarmante a diferença no placar que já se encontrava com 40 X 16 para a Aliança-PI.

Fechando com chave de ouro a equipe piauiense faz mais quatro gols deixando o placar final com 44 Aliança-PI X 16 UFRN- RN.

Ao final do jogo, quando questionado sobre a vitória o treinador Giuliano Martins, do time Aliança-PI comenta: “ foi um jogo tranquilo, eles por está no grupo de quatro, jogaram mais do que agente, jogamos duas partidas para a classificação, eles jogaram três. Ontem o jogo deles foi bem disputado contra Sergipe, fazendo com que eles se desgastasse mais, e eu acho que por isso não tiveram tanta energia para dar um combate. Foi um jogo fácil, consegui trocar todo o banco, consegui colocar todos para jogar. E para amanhã, esperamos realizar o nosso sonho que é ir para a fase nacional. Estou muito feliz.

UNIATENEU-CE x UNINASSAU-PE

É dado início ao segundo jogo, em menos de 5 minutos cartão amarelo, falta cobrada pelo jogador de camisa número 14 que abre o placar 1 para UNIATENEU-CE , 0 para UNINASSAU-PE.

A tensão era visível, tanto para os jogadores quanto para a arquibancada, os dois times sabem manipular tanto o tempo, quanto as suas estratégias.
Com belas jogadas e cobrança de faltas as equipes aos 13 minutos do primeiro tempo se empatam ficando com o placar de 7X7.

A adrenalina para virar o jogo é grande, mas o camisa 14 da UNINASSAU-PE faz uma jogada certeira que lhe rendeu o desempate, que logo foi revertida para um novo empate.

Isso perdurou por todo o primeiro tempo, onde um empatava e o outro desempava. Final do primeiro tempo 13 x 13. Já no segundo tempo, o camisa 8 Adelilson se destaca entre os jogadores, por sua habilidade em sobre sair dos seus adversários.

A 45 segundos do final do jogo o placar era de 31X 31, e a jogada final de Vinicius foi a que deu vitória ao time pernambucano-UNINASSAU. Placar foi de 32x 31.

E algo que não se pode passar despercebido é show de cartões ao decorrer do jogo, foi cartão amarelo para o camisa 7 da equipe pernambucana e para o camisa 10 da equipe cearense, o Rafael goleiro do Ceará recebe cartão vermelho mais um cartão azul após esbarrar no jogador Jhonata de camisa número 9 da equipe rival, até os treinadores ganharam cartão amarelo, tanto da UNINASSAU-PE quanto o da equipe da UNIATENEU-CE.

 JUBs Conferência Nordeste é uma realização da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU) e Federação Alagoana do Desporto Universitário (FADU). Apoio local: Prefeitura de Maceió. Apoio: Kempa, Onza, Spalding e Super Bolla.

0 Comments

No Comment.