A partir de 2020 o Desporto Universitário passará a contar com o apoio do Governo do Estado de Roraima, via Lei Pelé, por meio do repasse direto de 33% de verba federal diretamente para o desporto universitário. Atualmente a verba é totalmente gerenciada pela Secretaria de Educação.

A parceria foi concretizada após o governador do Estado, Antônio Denarium, e o deputado federal Nicoletti terem viabilizado uma reunião com a Secretária de Educação (SEED), Leila Perussolo. O encontro também contou com a presença do diretor do Instituto do Deporto de Roraima (IDR), Dinaildo Barreto e do procurador da SEED, doutor Claudio Belmino.

Reunião firmou compromisso de Roraima com o esporte universitário (Foto: FUER)

Definido o apoio, agora a Federação Universitária e a Procuradoria da Secretaria de Educação estão elaborando o texto da lei a ser encaminhada ao Governo do Estado para que posteriormente os outros trâmites sejam executados.

A verba será utilizada na organização e realização de eventos esportivos e no custeio de viagens dos atletas que foram representar Roraima em outros estados ou países.

“Estávamos na espera e batalhando por este apoio ao desporto universitário. O repasse de recursos vai possibilitar mais estrutura na realização dos jogos, na participação em eventos nacionais e internacionais e ainda permitir desenvolver ainda mais o desporto universitário no estado de Roraima”, comentou a presidente da FUER, Elaine Morellato.

Lei Pelé – Sancionada em 24 de março de 1998, a Lei nº 9.615, mais conhecida como Lei Pelé, estabelece normas para diversos assuntos referentes à condução do esporte no Brasil. Entre esses temas, a Lei Pelé determina repasses de recursos das loterias federais para o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), o Ministério do Esporte e a Confederação Brasileira de Clubes (CBC) e Secretarias de Estados (Esporte ou Educação). Saiba mais detalhes sobre a Lei Pelé em http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9615consol.htm.

 

Expectativa para 2020

Desde 2018, o Jogos Universitários (JUBs) foi dividido em quatro conferências por todo o país: Norte, Nordeste, Sul e Central. Os estados são divididos por regiões ou proximidade e com isso o Maranhão se juntou aos sete estados do Norte totalizando oito federações.

Este ano, 2019, a etapa Regional Norte ocorreu em Manaus, Amazonas. Para 2020, a Federação Universitária de Roraima (FUER) trabalha para que as eliminatórias ocorram em Boa Vista, Roraima.

A expectativa é reunir de 600 a 800 atletas universitários na capital roraimense no mês de agosto do próximo ano. A presidente da Federação, Elaine Morellato, explica que o comitê de gerenciamento para viabilizar essa possibilidade está em fase de montagem.

O custo para realizar o evento da etapa Norte em Boa Vista é de R$150 mil reais. “Com o repasse dos recursos da Lei Pelé, será mais viável alcançar esta meta. Trazer este evento para Roraima é importante para o meio esportivo e para a região: um grande número de pessoas se hospedando, se alimentando e conhecendo a cidade”, comentou a presidente.

Fonte: Andréa Santiago – FUER
0 Comments

No Comment.