Retrospectiva 2017: 65° Jogos Universitários Brasileiros

Competição foi realizada em Goiás, entre 18 e 29 de outubro, e reuniu mais de 5 mil atletas

 

O mês de outubro foi marcado pela realização da 65ª edição dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs), consagrada como a maior competição universitária da América Latina. O evento levou ao estado de Goiás mais de 5 mil atletas, que competiram por duas semanas em 20 modalidades esportivas.

Quinze modalidades foram disputadas na primeira semana: badminton, basquete 3×3, judô, atletismo, natação, vôlei de praia, tênis, tênis de mesa, xadrez, JUBs Acadêmico, esportes eletrônicos, com o jogo Fifa 2017, e taekwondo, além das paradesportivas natação, atletismo e tênis de mesa. Na segunda semana, foram disputadas as partidas de basquetebol, futsal, handebol, voleibol e League of Legends, nos esportes eletrônicos. As novidades do ano ficaram por conta do taekwondo, League of Legends e o atletismo paradesportivo.

“Trouxemos o JUBs para Goiás em 2013 e foi maravilhoso. É um estado envolvido com o esporte e que se colocou para um novo desafio, receber o maior JUBs da história”, comemorou Luciano Cabral, presidente da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU), no Coquetel de Abertura do evento.

“Nossa responsabilidade é sempre fazer o melhor. Temos grandes atletas e equipes fortes que nos orgulharão na disputa de uma competição de tão alto nível”, salientou Lusimar Santos, presidente da Federação Goiana do Desporto Universitário (FGDU).

O evento contou com 17 praças esportivas, distribuídas nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia e Trindade.

Academia CBDU de Voluntários

Também no JUBs 2017 foi lançada a Academia CBDU de Voluntários, que contou com sua primeira turma de capacitação para atuar no evento ocorrido em Goiás. Por meio de cursos de formação nos moldes da Federação Internacional do Esporte Universitário (FISU), o objetivo da CBDU é formar voluntários ao longo do ano, capacitando-os para que possam, não só trabalhar nos eventos universitários do Brasil e da FISU, mas também servir a todos os eventos esportivos do nosso país.

O JUBs 2017 contou com 300 voluntários, que atuaram em áreas como saúde, direito, comunicação, locais de competição e nutrição.

CBDU premia mais de 2 mil atletas no JUBs Goiás

Ao fim dos dez dias de competição, muita emoção, suor, tensão, lágrimas e sorrisos foram necessários para se fazer um evento competitivo como os Jogos Brasileiros Universitários (JUBs). E a grande marca dos vitoriosos é carregada no peito. A Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU) distribuiu, somadas a 1ª e a 2ª fases da competição, 2.165 medalhas e 62 troféus aos competidores.

A medalha não é apenas um objeto, mas o símbolo do esforço de cada atleta convertido em sucesso em sua modalidade. Ao todo, foram distribuídas 727 medalhas de ouro, 700 de prata e 738 de bronze para 1ª, 2ª e 3ª divisões. Isso significa que, cerca de 40% dos atletas que disputam a competição são premiados com medalhas.

Nesta 65ª edição do JUBs, participaram os 26 Estados, além do Distrito Federal, somando cerca de sete mil participantes entre alunos-atletas, comissões técnicas e dirigentes.

Maringá é anunciada como a próxima sede do JUBs

Durante a cerimônia de abertura da 65ª edição do JUBs, o presidente da CBDU, Luciano Cabral, aproveitou o momento para anunciar a sede da 66ª edição, e Maringá foi escolhida como palco da competição em 2018.

O presidente falou da importância para a CBDU e para as Federações de já se ter uma sede definida antes do término da edição 2017. “A cidade pode se preparar melhor para receber o evento. A CBDU se organiza, e tem mais tempo para organizar o evento. Os participantes, instituições e atletas podem se preparar já sabendo o destino que eles vão ter no próximo ano”.

O secretário Municipal de Esportes e Lazer de Maringá, Valmir Augusto Fassina, falou da importância de receber um evento como o JUBs na cidade. “Para nós, de Maringá, representa a retomada de grandes eventos. Também é importante pois movimenta todo o setor empresarial, a rede hoteleira, de alimentação, bares, restaurantes. Envolve toda uma estrutura a ser utilizada. E principalmente de fortalecer o esporte no município”.

O JUBs Goiás foi uma realização da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU) e da Federação Goiana do Desporto Universitário (FGDU), com o apoio do Governo do Estado de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte de Goiás (Seduce).