É com profunda tristeza que apresentamos nossas condolências à família e amigos do ex-judoca Mario Sabino. A CBDU vem, através deste, expressar o nosso mais sincero e profundo pesar pelo ocorrido

Sabino, que era cabo da Polícia Militar, se desentendeu com um colega e foi baleado. O ex-atleta tinha 47 anos e disputou as Olimpíadas de 2000 (Sydney, Austrália) e 2004 (Atenas, Grécia) na categoria meio-pesado. Foi medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2003 (Santo Domingo, na República Dominicana) e bronze do Mundial de Osaka (Japão) no mesmo ano.

Ele ainda atuava como assistente técnico da seleção feminina principal. Pela CBDU, Sabino também foi técnico da seleção universitária e participou de Universíades.

0 Comments

No Comment.